Notícias

Fique antenado sobre as principais novidades.

Assembleias do Quadro Geral e Magistério reforçam as bandeiras de luta em Nova Esperança

 

 

Na última terça-feira (29/08/2017) ocorreram as Assembleias Gerais dos servidores do Quadro Geral e do Magistério de Nova Esperança.


MAGISTÉRIO
A primeira Assembleia foi do Magistério onde as professoras, junto com a direção do SISMUNE debateram sobre a luta pela valorização dos profissionais da Educação e que esta deve continuar permanentemente.

Foi levantado pelo SISMUNE que a Prefeitura de Nova Esperança, não repassou o reajuste total aos professores, criando assim um prejuízo a toda categoria. Diante deste fato foi encaminhado proposta de requerer a diferença de 1,06% a através da Justiça, já que não houve acordo da atual administração em acertar esta diferença.

A proposta foi a votação do plenário, sendo aprovada pela maioria. O SISMUNE deverá entrar imediatamente com um mandado de segurança, reforçou a presidente Ana Paula Sampaio.


Outro ponto importante foi a votação sobre a alteração do Estatuto do Magistério em relação a distribuição de aulas. Pela maioria foi aprovada a proposta de alteração para que a distribuição seja feita anualmente e não de 4 em 4 anos. Esta proposta será levada a administração para que encaminhe a proposta de alteração a Câmara Municipal.


QUADRO GERAL
O SISMUNE concordou com a administração sobre a revogação da Avaliação de Desempenho referente ao ano 2016, mas a tal revogação não poderá prejudicar os servidores que tiveram sua progressão positiva. Apesar da reivindicação do SISMUNE para que isso seja feito até o fim do ano, não há por parte da Administração um prazo definido, criando uma atmosfera de apreensão e revolta nos servidores do Quadro Geral. Este assunto será retomado na próxima reunião com o Prefeito onde estará presente a Direção do SISMUNE e os representantes por local de trabalho.


Mais uma vez foi esclarecido o decreto de Banco de Horas e os artigos do Estatuto que dizem respeito a licença prêmio e férias.Onde foi orientado pela assessoria jurídica do SISMUNE, que os funcionários façam requerimento pedindo licenças e férias vencidas.


Este ponto do Estatuto tem que ser modificado, pois não há como se perder direitos adquiridos, claramente esta modificação veio com o intuito de punir/castigar o servidor que luta por seus direitos, pois que tem o dever de produzir as escalas de férias e licença prêmio são as chefias junto com os secretários dialogando com os servidores para o melhor trabalho e atendimento ao público, mas até agora nenhuma escala foi publicada oficialmente. Muitos servidores tiveram que entrar na Justiça por esta questão, onerando os cofres públicos e criando conflitos desnecessários entre a administração e os servidores municipais.



Ainda nas Assembeias foram indicados representantes por setores da Prefeitura:

Representantes do quadro geral:
Ataís Cristina Pires de Oliveira Ferris - Sec. Saúde
Cris Delma Gomes da Silva - Sec. da educação
Sidney Ventura - Sec. Obras
Ivanildo Ferreira dos Santos - Sec. Saúde

Suplentes:
Sebastiana Souza de Oliveira Santos - Sec. da Educ.
Geraldo Furio - Motorista Sec. da Educ.



Representantes do Magistério:
Marcia Aparecida de Faria Vieira - Escola Julio Benatti
Debora Rodrigues da Costa Rando - Escola Ana Rita de Cássia
Adriana de Cassia Zolin Benalia - Cmei Lúcia Nonciboni
Andressa dos Santos Scalco Ernegas - Cmei Monsenhor Lauria
Suplente: Jane Gabriel da Silva Leite - Escola Ana Rita de Cássia

 

NOSSOS PARCEIROS